Feira Cultural de Alcântara tem aprovação da população; segunda edição é neste mês de novembro

Feira Cultural de Alcântara tem aprovação da população; segunda edição é neste mês de novembro

Um público decidido a se divertir invadiu a praça da Matriz no sábado (30/10) para participar da Primeira Feira Cultural Aldir Blanc de Alcântara, cuja proposta é fazer com que as pessoas (artistas, produtores culturais, o povo…) voltem com suas atividades. O resultado não poderia ser diferente: muita interação e diversão.

O evento começou às 8h da manhã e sua programação atrativa e diversificada invadiu as primeiras horas do domingo. A abertura ficou por conta da apresentação das Caixeiras do Divino Espírito Santo, uma das maiores referências culturais de Alcântara.

As manifestações continuaram por todo o dia e o público se divertiu pra valer ao som dos artistas locais, com o Tambor Crioula e os grupos de Matriz Africana. Uma das atrações mais aguardadas, o Bumba Meu Boi da Maioba foi bastante aplaudido. Com seus tambores e matracas, índias e caboclos, presenteou Alcântara com os encantos do seu batalhão.

Além disso tudo, as pessoas apreciaram o que tinha de melhor nas barracas da culinária e do artesanato. “Uma feira cultural dessa é de grande importância porque podemos demonstrar nossos produtos e ter contato com outros produtores. Uma oportunidade de fazer bons negócios”, disse Neta Boueres.

Isidória melo, que trabalha com artesanato, afirmou que se sentia privilegiada por participar da feira e elogiou a Prefeitura e os organizadores do evento. “Muitas pessoas estão desempregadas e esta é uma forma de garantir um extra. É bem gratificante porque você conhece os colegas, os produtos deles e interage com os outros.”

Bastante cumprimentado pelas pessoas, o prefeito municipal Padre William Guimarães, que permaneceu na praça da Matriz até o fim das apresentações, destacou que Alcântara é uma mina de cultura e agradeceu a presença e participação de todos. O prefeito parabenizou ao secretário de Cultura e Turismo, Jedson Coelho, sua equipe e aos secretários e secretárias que unidos possibilitaram a realização da feira. Ele agradeceu ao vice-prefeito Nivaldo Araújo, à secretária de Assistência Social, Flor de Maria, e aos secretários de Governo (Uitamar Lindozo) e Infraestrutura (Vinícius Metz).

Titular da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo (SECTUR), Jedson Coelho pontuou que ‘conseguimos com esforço fazer com que a cidade pudesse ser contemplada com a Lei Aldir Blanc, que é um apoio emergencial aos artistas’. “Os editais permitiram que alguns dos nossos companheiros fossem contemplados. Nestes dois primeiros editais fomos contemplados com 72 mil reais, que serão distribuídos entre os artistas.”

Jedson Coelho chamou ao palco os representantes de cada grupo contemplado e, juntamente com o prefeito padre William, o vice-prefeito Nivaldo Araújo, e os secretários presentes, entregou o cheque simbólico no valor depositando na conta de cada contemplado.

O secretário encerrou a primeira edição da Feira Cultural Aldir Blanc de Alcântara com uma notícia que deixou o público ainda mais feliz: ele anunciou uma nova edição para este mês de novembro e a terceira para o mês de dezembro.

ASCOM - ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO ALCANTARA