Com tambor de crioula, dança do coco e shows, Prefeitura inaugura Arraiá Danado de Bão de Alcântara

Com tambor de crioula, dança do coco e shows, Prefeitura inaugura Arraiá Danado de Bão de Alcântara

A Prefeitura de Alcântara inaugurou nesta segunda-feira (20) o Arraiá Danado de Bão, instalado na praça da Matriz. Centenas de pessoas participaram da abertura oficial nesta primeira noite, que contou com atrações como o tambor de crioula do Só Assim e o Encanto dos Palmares da sede. No repertório da noite teve ainda o coco Marajá do Cajueiro e a dança portuguesa Sonho de Portugal. O público vibrou, dançou e cantou ainda com outras duas atrações: Roberto Ricci, com o seu ‘sotaque sobre toadas’, e com Daysa & Banda.

A primeira atração da noite foi a dança do coco do Cajueiro, de influência africana e participação indígena. De acordo com os organizadores, a origem está no trabalho das quebradeiras de coco. A dança surgiu em 1971, sendo considerada a festa junina mais antiga do Município. Coordenadora do coco do Cajueiro, Domingas do Ramos lamentou os dois anos que o grupo ficou sem brincar o São João por causa da pandemia do Coronavírus e espera se divertir bastante em 2022. “Estamos com muita garra, muita vontade de brincar o São João.”

Luciano Rodrigues, que coordena o tambor de crioula do Só Assim, falou da importância de apresentar à população uma cultura de grande tradição. “É muito bom estar aqui participando, apresentando o nosso trabalho, principalmente porque muitas vezes somos deixados de lado”, disse ele, que espera que o São João de Alcântara seja agradável tanto aos alcantarenses quando visitantes.

De volta a Alcântara, Roberto Ricci apresentou o ‘sotaque sobre toadas’, uma espécie de coletânea onde reúne algumas das melhores toadas do São João do Maranhão. Depois de vários anos distante de Alcântara, Ricci esteve na cidade em outubro do ano passado, durante o festival cultural do Município. “Apesar desse nome do show, mas a gente faz um pouco de tudo, porque o nosso repertório é bem diversificado, eclético, mas sem fugir da característica do São João”, pontuou.

Ao desejar um próspero “Arraiá Danado de Bão” aos alcantarenses e visitantes, Roberto Ricci fez um alerta: “Que todos tenham cuidado porque a pandemia ainda não acabou. Use máscara, álcool em gel e não relaxar porque acho que ainda não é o momento, principalmente em uma cidade turística como é Alcântara, porque não seria interessante para de novo”.
Pela primeira vez presente no São João de Alcântara, Daysa, do grupo Daysa & Banda, falou que suas das expectativas com o retorno do São João. “Levar a cultura para o povo do Maranhão em geral e fazer parte do São João de Alcântara está sendo muito gratificante para todos nós”, afirmou Daysa, que revelou que em 2016 esteve na cidade para ser fotografada. “Nesse ano eu participei do concurso Mis Maranhão e representei a cidade de Alcântara. Minhas fotos oficiais forma feitas aqui, mas já estive aqui outras vezes com familiares e amigos e adoro a cidade.”

Daysa agradeceu ao prefeito Padre William pela oportunidade de se apresentar em Alcântara. “Desejo toda a felicidade e energia positiva do mundo e que o São João seja intenso. Agradeço pela oportunidade ao nosso querido Padre William. É uma honra e espero poder voltar muitas outras vezes em todas as festividades de Alcântara.”

O São João de Alcântara é uma realização da Prefeitura por meio das secretarias de Governo e Cultura e Turismo. A festança continua até o dia 3 de julho.

ASCOM - ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO ALCANTARA